Páginas

sábado, 16 de maio de 2015

O amor é velho

Ontem vi o título deste vídeo. Estava na faculdade e tentei abri-lo. Não deu. Sim, a internet na minha faculdade é fantástica. Tão futurista que falha a toda a hora. Moving on. Ainda bem que não o consegui abrir. Já vos explico porquê. A um mês de se casarem, um casal participou no projecto "100 Years of Beauty: aging". Tiveram a oportunidade de se ver no futuro. Uma equipa de makeup transformou-os no seus "eu" em três idades: 50, 70 e 90 anos. Quando percebi do que se tratava, pensei: hum deve ser interessante. Adoro ver previsões físicas do futuro. Cheguei a casa e carreguei no play. Obrigada santa internet por não me teres deixado ver isto em público. Digamos que o vídeo me tocou mais do que estava à espera. É magnífico ver como eles reagem um ao outro. Claro que nunca saberemos o seu verdadeiro aspecto, o desenvolvimento da sua relação e comportamentos. Assim como não saberemos se chegam lá juntos, vivos ou mortos. Não importa. Para mim, que não peço muito, o amor que nutrem agora, foi suficiente para largar algumas lágrimas. Aquilo que mais me impressiona não é o aspecto físico. É pensar que duas pessoas podem percorrer, juntas, um caminho tão longo. Sei que cada um vai sentir uma emoção diferente. Pode ser um incentivo para os apaixonados. Uma depressão para os desapaixonados. Uma reflexão para quem está com alguém e afinal não quer estar. Indiferença para quem é indiferente a tudo. Pode ser tanta coisa. Também nos podemos afastar do conceito de amor eterno e pensar na família, nos amigos. Esses temos a certeza que nos vão ver envelhecer. E gostar de nós, quer sejamos velhos gaiteiros, velhos inconformados, velhos porcos e maus, velhos tão bonzinhos que enjoa, velhos restelenses, velhos anarquistas, velhos de direita, velhos histéricos, velhos carpideiros, velhos que fazem xixi em todo o lado ( c'est la vie), etc. Mas que nunca sejamos apáticos por vontade própria. E lembrem-se, se chorarem a ver o vídeo (como eu), digam que estiveram a cortar cebolas!



15 comentários:

  1. Adorei o vídeo! Incrível como as pessoas mudam com a idade, mas talvez a gente nunca pense nisso como devia!

    Bjxxx

    ResponderEliminar
  2. Uau, lá vou ter de ir lavar a cara antes que alguém note que andei "a cortar cebolas". XD

    Isto porque me "alertou" um pouco no que toca ao envelhecimento de nós mesmos. De aceitar que é inevitável e que o importante é não perdermos a nossa essência, que havemos de ter 50, 60 ou mais anos e gostar de nós mesmos como quando tínhamos 20 e poucos. :)

    ResponderEliminar
  3. Bem... os últimos minutos foram intensos. Além do choque visual ao ver um casal tão jovem nos seus 90's, é incrível pensar no tempo que "passaram" juntos. Sou um eterno apaixonado portanto espero que todas as pessoas possam experenciar isto um dia.

    Ricardo, The Ghostly Walker.

    ResponderEliminar
  4. Adorei :)
    Beijinho**
    Novo post no blog
    http://andreiiaad.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  5. Great post!
    Have a nice weekend dear,
    xoxo
    http://stylishpatterns.blogspot.com.es

    ResponderEliminar
  6. Cada vez gosto mais de ter descoberto o teu blog. :)

    Another Lovely Blog!, http://letrad.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  7. Gostei muito do teu blog, acabei de conhecer!
    Voltarei mais vezes. Bjs

    ResponderEliminar
  8. Amei, Amei, Amei! Tens uma nova seguidora! :)

    ResponderEliminar
  9. Gostei linda
    muito obrigada pela visita adorei
    volte sempre
    beijinhos
    http://cantinhodasofias.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  10. Fiquei mesmo encantada com o vídeo! Bom domingo!


    Bjxxx

    ResponderEliminar
  11. Sem dúvida! Cabe-nos a nós saber quando é que os instrumentos precisam de ser afinados de forma a que a sinfonia não se torne monótono. Foi o melhor paralelismo acerca do amor que alguma vez li!!

    Teoricamente aquelas peças são de mulher, apenas. Contudo, e como quiserem que eu fizesse a encomenda - e eu agradeci, claro -, tentei escolher as que fossem mais unissexo possível. Creio que aquelas são, não? :/

    Eu ando viciado em óculos de sol. Parece que nunca são demais!

    InstagramFacebook Oficial PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderEliminar
  12. Woooow. O vídeo está demais! A sério!
    Sou como tu e também gosto deste género de previsões futurológicas mas físicas que nos fazem ter mesmo uma perceção do que poderá ser! Fiquei com a lágrima no canto do olho, de verdade.

    Isto, no entanto, fez-me ponderar uma série de coisas... Nomeadamente os idosos que estão cada vez mais sós mesmo que tenham tido vários filhos. Deviam envelhecer com dignidade até porque envelhecer é bonito e é sinal de sabedoria!
    :/

    InstagramFacebook Oficial PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderEliminar