Páginas

terça-feira, 30 de junho de 2015

Happily Ever After


Há uns dias, a minha amiga Belga deu-me este 100 days notebook. Fiquei apaixonada por ele. Aliás, fiquei com imensa vontade de o escrever. Mas é tão bonito que nem me apetece ver lá palavras escritas. Vou ocupá-lo com o quê? É difícil afastar-me de um tema romântico e piegas quando o próprio notebook nos conduz, através das páginas e das frases que tem inscritas, para uma história de amor. Não que eu não tenha uma. Mas não sou, certamente, uma princesa. Seja como for, desperta a fantasia em todos aqueles que lhe pegam. Tresanda a magia. Eu não tresando a magia mas tenho um cantinho muito aceso neste coração que aparenta ser preto. Sou uma parola, vá. Choro com filmes românticos e, embora não me preocupe com o felizes para sempre, gosto desse conceito. Na capa, o notebook tem escrito o seguinte: My whole life seemed to start and end with you. Decidi ir à procura duma pirosice que escrevi, em 2010, para o meu namorado. É impressionante como, cinco anos depois, não sou capaz de alterar nenhuma palavra. E parece-me uma excelente maneira de começar a escrever este notebook, que makes your wish come true with fairy magic.

A esperança nunca existiu e a espera de nada servia. O calor aumentava e fazia o corpo suar à medida que a ansiedade derretia. As unhas roídas, começavam agora, a transformar-se num vício. Aquilo que eu pensara ser nervosismo, transformou-se em amor. Nem as palavras mais intensas o sabem descrever. Mergulhada na ignorância dos sentimentos, senti necessidade de me libertar de algo que não era meu. Parece impossível desejar tanto a liberdade de algo que não nos pertence e, provavelmente, não pertencerá. Aos poucos e em pouco tempo, apercebi-me de que o meu sistema nervoso detectara falhas irremediáveis. Dias depois, acusei o sistema digestivo devido à volta ao mundo em oitenta dias por parte do meu estômago. Fiz o meu próprio diagnóstico e dele não excluí nenhuma conclusão. Não pedi ajuda à medicina pois o meu orgulho ultrapassava qualquer doença ou simples indisposição. Os neurónios transformaram-se em fogo-de-artifício e, nas veias repletas de vibração, o sangue tanto circulava como parava. No tempo. No espaço. Na vida. O incompetente do coração abrandava a cada olhar para o infinito, o intocável. Aguardei pela morte, gritei por ela e, por instantes, ela apareceu, vestida de um vermelho tão forte como o do meu coração. Tentei seduzi-la mas ela desapareceu entre as trevas da minha mente. Já nada funcionava em mim. A ilusão era o único prazer que me restava. Então, armei-me de força e coragem e, sem me dar conta, iludi-me. E como foi bom iludir-me no mar verde dos teus olhos e na paz angustiante que me transmitias. Não demorou para que o meu corpo e a minha sanidade mental se recuperassem. Afinal, eu não precisava do diagnóstico. Precisava da cura. Deixei a ilusão de parte e envolvi-me no maior dos prazeres. Suguei todo o veneno doce que tinhas para oferecer. Na tentativa de te dar algo em troca, parti à procura do maldito botão que oferece oxigénio às células e elimina os resíduos. Renasci. E fiz questão de fazer uma grande alteração: coloquei-te em cada canto do agora competente coração. Alimentei-me de ti e continuo a fazê-lo. O teu oceano fez a Terra tremer. E mesmo sendo exagerado tomar-te como ocenano, és, de certeza, a gota de água, a gota de sangue e até a lágrima que faltava na minha vida. Atingi o intocável. O mais alto dos altares. Não tu. Mas os dois como um só.

Isa Mirtilo, versão 16 anos

41 comentários:

  1. Há jeito para a escrita!

    Isabel Sá
    http://brilhos-da-moda.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  2. Também quero um notebook desses!!! Acho que enchia o meu de histórias e fotos das nossas viagens (=

    ResponderEliminar
  3. ai que lindo amiga me arrepiei toda rsrs
    bjocas da mel adoro seus textos
    http://artmelzinha.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  4. :)
    Gostei muito do post :)
    Beijinhos
    http://asaiaazul.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  5. Great post kisses

    http://denimakeup95.blogspot.it/

    ResponderEliminar
  6. Adorei o notebook, é tão fofinho, parece mesmo saído de um filme!

    Bjxxx

    ResponderEliminar
  7. Obrigada pelos teus comentários no DreamCate :) espero que continues a passar por lá!

    Às vezes a nossa versão de 16 anos ainda sabe algumas coisas :)

    Beijinho,
    http://dreamcate.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  8. Eia tão giro o texto, com 16 anos?! Possa, já escrevias bem!

    ResponderEliminar
  9. Que lindoo . Dá mesmo uma pena de escrever.
    Beijos. Tem um post novo te esperando :)
    http://bhulago.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  10. Até a mim despertas te o desejo de escrever (: Gostei mesmo muito do texto!

    beijinho

    ResponderEliminar
  11. Oi linda, também queria um desses gostei muito do post.
    Estou seguindo o blog!
    Beijos!
    http://adolescentecharmosaoficial.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  12. Your post is very emotional, dear and this notebook looks great :)

    http://crafty-zone.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  13. Again, the translation is far too poorly to let me comment, so I let me just say it was very nice of your friend to give you such a lovely journal.
    kisses
    Lenya
    FashionDreams&Lifestyle

    ResponderEliminar
  14. Que tudoooooooooooooooooooooooo *-*
    Primeiro que adorei o jeito que você escreve e 2º eu adorei o texto!! O post ficou incrível. Como é incrivel resgatar memorias que não precisam e nem devem ser mudadas ne?


    http://www.1001julietas.com/

    ResponderEliminar
  15. Também quero um desses,e adorei o texto, belas palavras :D

    http://confissoesdeumaaprendiz.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  16. Que lindo esse caderno. Muito bonito e profundo o texto.
    Beijos!

    http://www.tendenciateen.com

    ResponderEliminar
  17. great post as usual :)

    http://www.itsmetijana.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  18. Que lindo, Isa! Você escreve bem desde novinha! Descreveu bem o que sentimos quando encontramos A pessoa especial. Também adorei o caderno.

    beijo
    www.belatriz.info

    ResponderEliminar
  19. Adoro o pouco que conheço da tua história :)

    ResponderEliminar
  20. Postagem maravilhosa
    Canal:https://www.youtube.com/watch?v=eNNlFtDc1-o
    Blog:http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  21. Lindo texto Isa! Inspirador! Grande Beijo!
    Paula Juliana - Overdose
    http://overdoselite.blogspot.com.br/2015/06/resenha-promessa-da-rosa-babi-sette.html

    ResponderEliminar
  22. Nice post!

    Let know if you'd like us to follow eachother and keep in touch?

    <3
    http://www.adelaacanski.com/

    ResponderEliminar
  23. great blog... and your deep thoughts...keep in touch dear
    http://glamforgood.blogspot.in/

    ResponderEliminar
  24. Sem dúvida que à noite cai sempre bem arriscar. Os quimonos ou os leather jackets serão sempre bons agasalhos não é?!

    Nem sabes o quão louco sou por note books!!! Tenho uma série deles todos a uso!! Ahahah sou um cismático :D
    Esse é lindo :D

    InstagramFacebook Oficial PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderEliminar
  25. Estou mesmo fascinada com esse notebook! As folhas são tão lindas!

    Bjxxx

    ResponderEliminar
  26. Nossa que texto lindo, você tem muito talento, você acredita que eu também choro em filmes, as vezes me sinto uma bobona por isso
    kk
    beijos http://www.blogdaxavier.com.br/

    ResponderEliminar
  27. Mas que lindo notebook! E já com 16 anos tinhas imenso talento para a escrita!! Parabéns!
    beijinhos
    http://direitoporlinhastortas-id.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  28. "E fiz questão de fazer uma grande alteração: coloquei-te em cada canto do agora competente coração. Alimentei-me de ti e continuo a fazê-lo. O teu oceano fez a Terra tremer. E mesmo sendo exagerado tomar-te como ocenano, és, de certeza, a gota de água, a gota de sangue e até a lágrima que faltava na minha vida."

    Excelente :) Eu tenho dezenas de diários e cadernos escritos porque, desde os meus 13/14 anos, sempre escrevi e sempre vi na escrita a única coisa que sabia fazer. Não ha-de ter sido ao acaso que acabei jornalista, escritora e whatever... <3

    ResponderEliminar
  29. Great post <3

    check out my new post on: http://styleccentricfashion.blogspot.com
    follow for follow on ig: @styleccentricfashion
    follow for follow on bloglovin: https://www.bloglovin.com/blogs/sandf-styleccentric-fashion-14140809
    fan for fan on lookbook: http://lookbook.nu/monskinsmons

    ResponderEliminar
  30. Voce escreve bem demais *-*
    Lindo esse...

    www.chaeamor.com

    ResponderEliminar
  31. Que presentão em, lindo o livro, e que ótimos conceitos!
    Beijos,

    http://blogsejaforte.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  32. Nossa, amei a mensagem !
    Você tem uma amiga Belga ou o nome dela é belga? kkkkk eu também tenho um amigo Belga, adoro!

    Beijos, passa lá no blog <3

    www.paaradateen.com
    www.facebook.com/PAARADATEEN

    ResponderEliminar
  33. Ohw, adorei :)
    E o caderno é lindo! Eu não tinha coragem de escrever eheh :b

    Beijinhos, Sweet Home | BLOG

    ResponderEliminar
  34. o notebook é lindíssimo e o que tu escreveste também! :)

    ResponderEliminar
  35. Parece que o teu talento para a escrita já dura à muitos anos! Gostei imenso mesmo :) E o notebook é só a coisa mais linda!
    beijinhos
    thefancycats.blogspot.com

    ResponderEliminar
  36. Postagem maravilhosa amei
    Canal:https://www.youtube.com/watch?v=eNNlFtDc1-o
    Blog:http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  37. ola lindona nossa que post incrível arrasou !! bjoos lindona !!
    http://mundodasfashion12.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  38. Gostei do texto.
    http://retromaggie.blogspot.pt/

    ResponderEliminar